Veja RioHorto das Palmeiras | Horto das Palmeiras
  • Em: 29 de Maio de 2013  

"Passeio entre palmeiras - Horto em Guaratiba passa a receber visitantes"

"Respire fundo, sinta a natureza personalizada." A placa junto ao portão dá uma idéia do que aguarda o visitante. Mas a surpresa com a imensidão verde, bem-cuidada e com tratamento paisagístico especial, é inevitável. O Horto das Palmeiras, na Ilha de Guaratiba, é o maior produtor de palmeiras nativas e exóticas do país e reúne uma das mais completas coleções dessas plantas ornamentais. Numa área de 175 000 metros quadrados estão expostas mais de 100 000 palmeiras, de cerca de 150 espécies de diversas partes do mundo. Um paraíso, antes visitado apenas por clientes e por estudantes de botânica, paisagismo e arquitetura nacionais e estrangeiros, que acaba de entrar para o roteiro turístico da cidade. "Sou um idealista, apaixonado por palmeiras. Não teria sentido deixar um espaço como este fechado ao público", diz o diretor do horto Moyses Abtibol, ex-empresário da construção civil que quinze anos atrás iniciou o cultivo dessa planta. Os tours pela propriedade ocorrem de segunda a sábado e são gratuitos. Não há número mínimo de pessoas e as visitas, que têm de ser agendadas, são acompanhadas por um funcionário. Dependendo do tamanho do grupo, o passeio é feito a pé ou num carrinho de golfe. "Em nenhum outro lugar no Rio o visitante encontra uma diversidade tão grande de palmeiras agrupadas e com esse tratamento", elogia Luiz Cancio, professor de paisagismo do Senac e da Faculdade Veiga de Almeida, que levou um grupo ao local na semana passada.

Para quem admira plantas ornamentais ou simplesmente quer conhecer um lugar cercado de verde e com muito ar puro, é um programa e tanto. A sensação é de estar entrando num jardim botânico só de palmeiras. Pelas alamedas, estufas, jardins e ao redor de um grande lago estão expostas espécies nos mais variados tamanhos: de pequenas mudas a plantas em sua plenitude, com mais de 12 metros de altura. "Não nos preocupamos só com a produção. Tomamos o cuidado de dar um tom didático ao horto e fazer um trabalho paisagístico que mostre toda a exuberância das palmeiras", ressalta Abtibol. A diversidade de espécies chama atenção. Além das brasileiras, existem palmeiras de mais de vinte países, como Austrália, Egito, Índia, Cuba, Espanha, Malásia, Tailândia e China. Entre os destaques, a Bismarkia nobilis, uma palmeira típica de Madagáscar com folhas em forma de leque; a Veithia merrilui, nativa das Filipinas e muito usada na decoração de shoppings; e a Hyophorbe lagenicaulis, originária da África, que tem caule bojudo e trançado e é extremamente valorizada.

 Durante a visita, percebem-se diferenciais. A propriedade tem berçário de plantas, sistema computadorizado de irrigação, equipe multidisciplinar e só utiliza substrato adubado em vez de terra. Ainda faz design de plantas: duas ou três palmeiras são cultivadas juntas e durante o crescimento os troncos se soldam, formando uma composição atípica. Todas as palmeiras também são mantidas em vaso, desde o início, o que garante uma adaptação melhor na hora da mudança. "Comecei essa estrutura meio por acaso", conta Abtibol. Ele recebeu o terreno do horto, então um grande matagal, em troca da venda de um imóvel na época em que trabalhava na construção civil. Plantou ali 10.000 mudas de coqueiro já pensando no paisagismo de projetos imobiliários. Acabou se apaixonando pelo cultivo de palmeiras e mudou de profissão. Entre seus clientes, paisagistas, arquitetos e também shoppings e construtoras. Hoje, além do comércio de plantas, o horto (www.hortodaspalmeiras.com.br e 3427-5222) oferece projetos de paisagismo, faz sistemas personalizados de irrigação e agora se transformou num local de visitação. Bom programa!

vejario1

 

Estrada Paiva Muniz, 1613 . Ilha de Guaratiba . Rio de Janeiro | COMO CHEGAR

Tels: (21) 3427-5222 / 3427-5204 / 8498-3100

Email: palmeiras@hortodaspalmeiras.com.br